Dicas sobre Orlando e seus parques Disney, Universal e SeaWorld

SeaWorld Orlando: o cuidado no resgate de Baleia-cabeça-de-melão

Raramente visto, uma baleia foi encontrada presa em praia da Flórida

0 37

O time de resgate animal do SeaWorld de Orlando está reabilitando uma Baleia-cabeça-de-melão que foi encontrada encalhada na costa oeste da Flórida. Com cerca de 145kg e 25 metros, a Baleia-cabeça-de-melão adulta e do sexo masculino foi resgatada pelo Clearwater Marine Aquarium e pela Florida Fish and Wildlife Commission (FWC) em 13 de outubro e transportado para o SeaWorld Orlando.

Ao chegar, ele foi colocado em uma piscina de reabilitação em quarentena, onde a equipe de resgate de animais e veterinária forneceram tratamentos e cuidados imediatos, incluindo fluidos e antibióticos.

Durante as últimas três semanas, as equipes de resgate animal e veterinária o monitoraram o tempo todo e acompanharam suas atividades vitais, apetite e natação. Com base nesses testes e observações, a baleia enfrenta muitos desafios, incluindo um possível caso de pneumonia, mas as equipes estão trabalhando dia e noite para dar a melhor chance de uma reabilitação bem-sucedida.

Embora ela ainda esteja em estado crítico, as equipes de resgate animal e veterinária estão trabalhando para o objetivo final de devolvê-la à vida selvagem. O próximo passo em sua reabilitação é um teste de audição conduzido por especialistas em zoologia do SeaWorld e especialistas em audição da National Oceanic and Atmospheric Administration (NOAA) para garantir que a perda de audição não seja a causa da encalhe.

Enquanto as Baleias-cabeça-de-melão são encontradas espalhadas por todas as águas tropicais do mundo, muitas vezes elas não são vistas como espécies de águas profundas.

O time de resgate animal do SeaWorld Orlando está de plantão 24/7 para salvar e cuidar de animais feridos, órfãos ou doentes. Em colaboração com o governo e outros membros de redes credenciadas, o SeaWorld Parks & Entertainment opera um dos programas mais respeitados do mundo para resgatar animais marinhos doentes e feridos, com o objetivo de reabilitá-los e retorna-los ao oceano. Os especialistas em animais do SeaWorld já ajudaram mais de 31 mil animais necessitados – doentes, feridos, órfãos e abandonados – por mais de cinco décadas.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.